pub

A task force que coordena a vacinação contra a covid-19 garantiu hoje que as perturbações de agendamento dos últimos dias “já estão identificadas”, estimando que este processo misto funcione “sem problemas significativos” na próxima semana.

Em causa está a grande afluência de pessoas para receberem a vacina em alguns centros de vacinação, resultante de uma sobreposição de agendamentos, como aconteceu nos últimos dias em Coimbra e em Sintra, o que resultou em grandes ajuntamentos de utentes e, em alguns casos, em várias horas de espera para serem atendidos.
Por exemplo, às portas do pavilhão Mário Mexia em Coimbra, a semana começou com um ajuntamento de centenas de pessoas, agendado pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde.
Em declarações aos jornalistas, João Rodrigues, vice-presidente da ARS Centro, referiu a sobreposição de agendamentos:

Segundo a task force, desde 23 de abril, dia em que entrou em funcionamento o portal destinado ao auto agendamento para a vacinação, cerca de 206 mil pessoas já se inscreveram para tomar a vacina contra a covid-19.

pub