pub

O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, criticou a criação da Superliga Europeia:

O ministro, responsável pela pasta do desporto, assumiu a mesma posição que o chefe de Governo António Costa.

Refira-se que o primeiro-ministro mostrou-se contra a criação da Superliga Europeia e lembrou que há princípios que não estão à venda, numa mensagem publicada nas redes sociais.

António Costa colocou-se ao lado das instituições desportivas nacionais e internacionais que rejeitam esta competição, exemplos da Liga Portugal, FIFA e UEFA.

pub