pub

O Departamento de Investigação e Ação Penal de Coimbra está a funcionar em serviços mínimos, devido a um surto de covid-19, informou, esta quarta-feira, o Sindicato dos Funcionários Judiciais.

Segundo a estrutura, há 7 oficiais de justiça infetados, num total de 18 em isolamento, por ordem da autoridade de saúde, a que acrescem 4 magistrados com covid-19.

O DIAP de Coimbra tem três secções de processos, uma secção central, 27 oficiais de justiça e 17 magistrados.

Já na semana passada, o Sindicato dos Funcionários Judiciais revelou que existiam casos positivos no Tribunal do Trabalho em Coimbra, onde diariamente entram dezenas de pessoas.

pub