pub

O Instituto da Segurança Social anunciou que vai pagar, amanhã, a 61 mil empresas os apoios relativos ao ‘lay-off’ e ao apoio à retoma progressiva, num valor global de 135 milhões de euros.

No caso do ‘lay-off’, serão pagos apoios a 45,8 mil empresas com 219 mil trabalhadores, no valor de 88 milhões de euros.

Já pelo apoio à retoma progressiva estão abrangidas 15,4 mil empresas, com 115 mil trabalhadores, no montante de 47 milhões de euros.

Segundo a Segurança Social, será ainda pago, na quarta-feira, “o adicional da compensação retributiva para perfazer os 100% da retribuição normal ilíquida”, até ao limite de três salários mínimos nacionais (1.995 euros) “com retroativos a janeiro”.

pub